Autocontentamento
Recomende:

Veja: Autoestima, Resposta própria, Valores existenciais

É um estado que depende diretamente do quanto o homem gosta de si mesmo, de sua autoestima.

O autoconhecimento e a libertação são determinados pela liberdade que a pessoa tem de adotar as leis e padrões naturais e universais, tomando a decisão independente de segui-los racionalmente e tomando para si a plena responsabilidade por tal decisão. Esse estado mental difere radicalmente daquele em que o ser humano adota automaticamente a visão, as opiniões, as leis aparentes da vida, as normas de ética e a moral, sem questionar seu sentido, sua inevitabilidade, sua razão.

O automatismo com que a maioria das pessoas toma por certas as condições e as leis da vida impede a autonomia do eu. Esse automatismo é muito mais difundido, e afeta muito mais áreas da vida e da personalidade do que podemos imaginar, e deriva da covardia e do oportunismo que prejudicam a integridade pessoal.

Cada momento oferece uma riqueza, uma perfeição, uma plenitude, onde quer que se esteja, não importa qual seja a dificuldade específica. O homem não pode conhecer a verdade geral, universal, a verdade dinâmica da vida, se não for verdadeiro consigo mesmo. Sendo verdadeiro consigo mesmo, sentir-se-á digno e merecedor de toda a alegria de que pode usufruir.

Palestra: 150

150: GOSTAR DE SI MESMO, CONDIÇÃO PARA O ESTADO UNIVERSAL DE BEM AVENTURANÇA.

ABC

Sentença do Guia “Todo ponto temido tem em seu interior o centro dourado. Vá na sua direção e toda a aflição se dissolve. Fuja dele e você aumenta o seu sofrimento, a sua confusão, a sua escuridão.” P. 205