Autorrespeito
Recomende:

Veja: Amor próprio, Autodesprezo, Culpa real

É o respeito justificado por si mesmo, de maneira certa e saudável, sem precisar do tipo errado de amor próprio que, em última análise, só contribui para o autodesprezo. É a decisão, mediante o crescimento interior e o entendimento, de que já não se deseja nem se espera encontrar atalhos na vida.

A restituição da culpa real contribui para criar e reforçar o autorrespeito. Este não é obtido por meio de uma atitude única, mas sim por um processo constante de crescimento e de tomada de consciência cada vez maiores.

A crescente conscientização de nosso próprio ser, o sentimento de integridade e o respeito próprio, que inevitavelmente virão à tona, nos darão força e vigor. Isso permitirá que nos tornemos independentes da terrível necessidade de reconhecimento por parte dos outros e nos dará a habilidade:

a)de nos expressarmos com liberdade e sem inibição, com o uso de nossas melhores qualidades;

b)de comunicar e relatar;

c)de reivindicar nossos direitos, sem o corrosivo sentimento de que não conseguimos exprimir, de fato, o que queríamos que fosse compreendido.

O autorrespeito nos dará uma nova energia e vitalidade em nossa vida diária, tornando-nos capazes de uma vida plena.

Palestras: 053, 109

053: AMOR PRÓPRIO
109: A SAÚDE ESPIRITUAL E EMOCIONAL ATRAVÉS DA RESTITUIÇÃO DA CULPA REAL

ABC

Sentença do Guia “A fé é compreensão superior, a fé é saber e este saber é graça. É preciso fazer juz à graça. Isto acontece quando a boa vontade da pessoa se torna manifesta e conquista as correntes transversais inconscientes que tentam negar a verdade.” P. 012